Sexta-feira, 8 de Fevereiro de 2008

Pagina 4

PORTUGAL MODERNO

 formação do Estado Moderno decorre no século XV. O casamento (celebrado no âmbito da Aliança Luso - Inglesa, por oposição à frente França - Castela) de D. João I (1357-1433)com D. Filipa de Lencastre (1359-1415),princesa inglesa, vem enraizar novos valores de corte relacionados com a prática do casamento o que nos indica uma sensibilização para a preservação da célula familiar e de consideração e protecção da mulher. D. Filipa é uma mulher reconhecida como detentora de uma conduta exemplar enquanto esposa e enquanto mãe da grande geração de ilustres personalidades conhecida como ínclita geração onde se contemplam D. Branca de Portugal que apenas viveu entre 1388e 1389; D. Afonso de Portugal (1390-1400) falecido também com um ano; D. Duarte (1391-1438) uma figura singular da nossa história, poeta e escritor que viria ser rei de Portugal; D. Pedro (1392-1449) Duque de Coimbra falecido na Batalha de Alfarrobeira, batalha determinante para o triunfo do governo centralizador que define a modernidade em Portugal, estabelecida contra o seu tio D. Afonso V; D. Henrique (1394-1460) Duque de Viseu, heroificado pelo seu investimento humano e financeiro na Expansão Marítima e no desenvolvimento da Cartografia; D. Isabel (1397-1471) que vem a contrair matrimónio com um dos homens mais influentes na cultura do seu tempo, Filipe III Duque de Borgonha; depois nasce novamente uma criança que morre à nascença baptizada com o nome de Branca de Portugal (1398); D. João (1400-1442) Infante e Condestável de Portugal cargo criado com funções militares na ausência do Rei e por último nasce D. Fernando (1402-1433) o Infante Santo que vem a falecer em cativeiro em Fez.
O espírito de corte de D. Filipa de Lencastre imbuída de um ideal cavaleiresco vem contribuir para o desenvolvimento de um ideal, à luz do ideal inglês, também ele cavaleiresco em Portugal no século XV.
O século XV deve ser entendido como um tempo pioneiro no despertar da consciência do homem, as dificuldades não terão sido inferiores às das épocas precedentes, no entanto vislumbramos uma nova dinâmica de carisma social. Em Inglaterra começa a emergir um interesse pelos mais desprotegidos onde a força da opinião laica se faz sentir. Nos círculos culturais mais importantes como os florentinos, as questões da arte começam a relacionar-se directamente com a componente civil da humanidade. Maquiavel (1469-1527) historiador, poeta, diplomata e musico reconhecido como o fundador da Ciência Política moderna, contribui nas suas obras para a consciencialização da realidade social, criticando a criação de obras sustentadas pela ideologia de como a realidade deveria ser, Maquiavel vem defender que a população deve ser ouvida no campo político, admitia que havia um elevado índice de erro nos juízos do publico porque esses juízos eram formulados a partir do que ouviam, porém considerava mais elevado o índice de erro na formulação de juízos dos príncipes.
A concepção de que o equilíbrio cultural se manifesta na multiplicidade de registos críticos manifesta-se no século VX de forma ainda incipiente, contudo a introdução de novos valores no plano da comunicação, a consciência e a dinâmico da sua estrutura pioneira para o desenvolvimento social em articulação com o meio artístico, permite desde já uma influência mútua e uma profunda alteração dos comportamentos e mentalidades do Homem.

Por Cecília Correia - Historiadora de Arte

Deseja adquirir o nº 1 deste jornal?
No jornal número 1foram inseridos temas que continuaram no número 2 e prolongar-se-ão pelas edições seguintes. Por outro lado o número e sempre especial.
Os leitores que desejarem adquirir o número 1 podem contactar-nos por telef. ou e-mail (ver ficha técnica) e nós faremos o seu envio por via postal mediante o pagamento prévio de 1.35€ (0.80€ jornal,0.55€ de portes) o nosso NIB: 001000003899481000150

 

2008 -ANO EUROPEU PARA O DIÁLOGO INTERCULTURAL
                                                 
Por Helia Alves

Licenciada em Estudos Europeus

 

Cada ser humano é unico e perspectiva o mundo à sua maneira, pelo que uma mesma realidade pode revestir-se de contornos diversos em estreita relação com a pessoa que a experimenta.
Sendo este simples facto susceptível de, porventura, causar algum atrito nas relações do Homem com o seu semelhante, há ainda a considerar factores eventualmente potenciadores de desentendimentos, tais como a língua, a etnia, a religião, a cor da pele, a cultura, enfim, tudo o que de "diferente" seja possível enumerar. E visto que habitamos num planeta irreversivelmente multiracial, multireligioso e multicultural, no qual existe uma impressionante incapacidade de conciliação de interesses, nunca será excessivo relembrar valores de tolerância e respeito mútuos entre os povos.
De facto, no que diz respeito a uma Europa sucessivamente alargada, a sensibilização para a diversidade cultural é vital, pelo que 2008 foi declarado o Ano Europeu para o Diálogo Intercultural, tendo por objectivo principal favorecer o diálogo entre todas as culturas e entre todas as pessoas que vivem na União Europeia, dotando-as de conhecimentos que propiciem um convívio multicultural harmonioso. Sob o lema "Unidos na Diversidade", o Ano Europeu para o Diálogo Intercultural visa também contribuir para promover uma participação cívica activa em questões europeias.
Um dos projectos aprovados no âmbito do Ano Europeu intitula-se " I + You – Ton monde est le mien" e vai decorrer na Bélgica, Alemanha, França, Hungria, Itália, Reino Unido e Portugal. O projecto destina-se a promover e encorajar o diálogo intercultural e possui uma dimensão educacional muito forte, uma vez que envolve directamente várias escolas primárias de diferentes países e conta com o trabalho interactivo de contadores de histórias, artistas visuais e músicos.

O Ano Europeu do Diálogo Intercultural pretende deveras incentivar todos os cidadãos europeus a aproveitarem as oportunidades que permitam um melhor conhecimento das diferentes tradições culturais.

Em termos intemporais, o diálogo intercultural que se declara para 2008 irá ter fortes e promissoras repercussões no futuro e por tempo inderterminado. Assim, nunca é demais projectarem-se os programas de hoje com a devida estrutura para o longo prazo.

 

 

Beleza e Estética

Pela Medicina Natural

Tanto as mulheres como os homens procuram , cada vez mais, melhorar a sua presença e apresentação não apenas na forma de vestir, mas também pelos cuidados com o corpo.. Se esta tendência já é levada pelo homem até aos animais, as pessoas têm de acentuar os cuidados consigo próprias. Quando temos animais em casa procuramos cuidar-lhes da pele e do pelo quer seja do cão, ou do gato. Também do cavalo, um animal muito nobre em obediência e trabalho.
     Isto acontece porque estes animais vivem connosco e a sua má imagem degrada a nossa imagem perante os olhares alheios. Por outro lado, quando os animais estão bem apresentados não só chamam positivamente as atenções alheias como são realçados os cuidados operados pelos donos.
     Posto isto, as pessoas, como animais superiores e civilizados, têm de cuidar da sua imagem  fisiológica e do factor estético. Para tal controlam o peso e preservam a saúde. Doenças gastrintestinais, bem como miomas, quistos e tumores podem originar manchas no corpo, em especial na face. Daí a necessidade de se tratar o organismo combatendo as causas: velar por uma boa circulação sanguínea, evitar o stress e manter o sistema nervoso em boa forma, como mola real do organismo que é. Condição essencial para nos apresentarmos em público mais bem dispostos e alegres.
     Para além de se levarem a sério os conselhos do terapêuta devemos adquirir conhecimentos básicos para  seguirmos cuidados de auto-suficiência. Nesta ordem de ideias, aqui deixamos algumas recomendações.
  Tomar alguns bons depurativos para a purificação do organismo; manter os intestinos em regular funcionamento; fazer uma alimentação biológica com forte participação de frutas e vegetais; usar vasodilatadores  como o alho, castanha da Índia, hamamélis, gingobiloba, entre outros. Para estados tumorais os depurativos dão preciosa ajuda. Também o própolis é de assinalável importância.
     É também importante o uso de antioxidantes, como o óleo de onagra, vitaminas A, E e C, germem de trigo, selénium, ginseng, oleo de germem de trigo e óleos de peixe, especialmente os de salmão e de figado de bacalhau.

     Depois desta alusão à prevenção e tratamento das causas, vamos ao factor estético.
    
    Quem não gosta de apresentar distinta beleza e boa condição estética? Estes desígnios fazem parte da nossa condição,  recomendáveis, sem exageros de maquilagem, quer em senhoras, quer em homens.
     Não esquecemos, mais uma vez, o quanto é importante o tratamento interno. O mau funcionamento gastrintestinal, renal e os problemas artriticos provocam inchação, pontos negros e manchas externamente. Não obstante a importância que se lhe atribui, o que se usa externamente tem de ser entendido como auxiliar.
      Assim, temos como preponderantes em uso externo - loções, leites  e cremos cuja incorporação de aloé vera, argila, pepino, camomila, placenta vegetal, hamaméllis, própoles, cologénio marinho, óleos de amendoas doces  e de germem de trigo, geleia real, são ingredientes básicos. Há outros, escolha em função dos casos e dos objectivos. Nas casas especializadas, em especial de produtos naturais, encontra variedades com a indicação dos  efeitos: peles secas, oleosas, rugas, contorno dos olhos, etc.
   
    Ainda quanto à estética, depois de cuidar do interior e exterior, procure ter uma postura alegre, caminhar de forma erecta (barriga para dentro e peito para fora), com a cabeça levantada. Use roupas que, mesmo sendo simples, se ajustem ao seu corpo e não demasiado inovadoras  nem de todo convencionais.
     Se bem que tradicionalmente sejam as senhoras a sentirem a necessidade de cuidarem do rosto e pele em geral, também o homem deve usar algo para retardar o envelhecimento do rosto e da pele. Principalmente depois de cortar a barba, deve usar um creme hidratante e cicatrizante.
     O excesso de calor, bem como o frio intenso, podem degradar a pele. Por vezes aparecem gretas e erupções que podem ter tratamento com uma pomada que contenha própoles, enula, saponária, pau d'arco, argila, etc. Também o óleo de amendoas doces com glicerina medicinal é inportante.
     Sabemos que o envelhecimento é irreversível, mas podemos retardá-lo na medida do que fizermos para tal.

     Sejamos melhores em sociedade, nas formas comportamentais como na melhor apresentação fisiolóligica.

             Ricardo Molino

 

 

publicado por promover e dignificar às 17:22

link do post | comentar | favorito
|

.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Março 2017

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
16
17
18
19
20
22
23
24
25
26
27
28
29
30

.posts recentes

. A HEPATITE “A” E OS MAUS ...

. TÓPICOS A OBSERVAR NA ORI...

. TÓPICOS A OBSERVAR NA ORI...

. TÓPICOS A OBSERVAR NA ORI...

. TÓPICOS A OBSERVAR NA ORI...

. APPDH – Para que servimos...

. TÓPICOS A OBSERVAR NA ORI...

. O DIFÍCIL E COMPLICADO PR...

. Inserção Humana – PROJECT...

. COMUNICADO AOS ASSOCIADOS

.arquivos

. Março 2017

. Fevereiro 2017

. Janeiro 2012

. Dezembro 2011

. Maio 2011

. Abril 2011

. Janeiro 2011

. Abril 2010

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Setembro 2008

. Junho 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Outubro 2007

. Setembro 2007

blogs SAPO

.subscrever feeds