Quinta-feira, 24 de Abril de 2008

Pagina 4

     SUPLEMENTOS ALIMENTARES
       E OS PRODUTOS NATURAIS
 

 

Os produtos naturais, considerados pela grande parte dos consumidores  produtos da medicina natural,  são obrigatoriamente rotulados com a denominação de suplementos alimentares, o que é erróneo. O consumidor  não pode aceitar que os comprimidos preparados com Erva - de - São Robero, Cavalinha ou um extracto de freixo, seja um suplemento alimentar e como tal alimente. Da mesma forma que um cchá preparado com Melissa seja suplemento que alimente, principalmente quando o consumidor não usa adoçantes, como o açúcar.
     Os critérios de certas designações na rotulagem com a única finalidade de não serem confundidos com medicamentos têm de ser reavaliados, pois podem levar muitos consumidores a aceitar aquilo que não é aceitável perante produtos que contêm menções inapropriadas.
    Não se deve  encobrir o efeito de produtos da natureza, como as plantas usadas em tisanas, em comprimidos ou em extractos,  no bem-estar orgânico e da saúde, aliás catalogados os seus princípios activos por médicos da medicina convencional e alopata, que abnegamente estudaram as propriedades das plantas.
   Neste apontamento vamos enquadrar o Aloè Vera e o Limão, face às suas propriedades e ao que representam em matéria de saúde.

ALOÉ VERA
Se há plantas que exigem maior detalhe da minha parte, o cacto  Aloé Vera é uma delas. Utiliza-se o gel  contido no interior das folhas em vários preparados.
    Aos l.500 anos  A. C. já o Aloé Vera era usado para feridas, queimaduras, dermatoses, alergias, purificação do sangue, enfermidades do aparelho gastrintestinal e doenças  degenerativas, entre outras patologias.
     Existem muitas variedades de Aloés, mas nunca o verdadeiro Aloé Vera deve ser confundido com as outras. Os sábios seguidores da medicina pelas plantas concluiram que ele contém substâncias antibióticas, enzimas, aminoácidos, vitaminas e minerais, entre outros componentes de relevo. Tem sido colocada em destaque  a sua capacidade de prevenir a degeneração dos tecidos e de combate aos processos de envelhecimento.
       Todavia, o Aloé também pode causar estragos quando não se respeitam as doses para uso interno e quando alguém pretende fazer com ele um xarope da mesma forma que se faz com maçãs ou laranjas. Em doses elevadas ele é tóxico, devendo haver cuidado com as preparações caseiras e com o seu uso desregrado. Existem no mercado xaropes e cápsulas feitos por laboratórios credenciados, que nos oferecem segurança.  Mas dado o enraizamento  existente ao uso directo por muitos dos seus adeptos, diremos que as doses indicadas  são: 5 a 15 gramas do gel das folhas por dose; 30 a 60 gramas como purgante e emanagogo. A tintura feita do Aloé usa-se externamente para feridas  e queimaduras, tanto no homem como nos animais domésticos.
     Também são feitos vários preparados com efeitos cosméticos: loções, cremes, gel e pomadas. Os consumidores ficam, genericamente, satisfeitos com os seus resultados. Todavia, em certas situações e em específicas sensibilidades, podem surgir alguns problemas alércos, factos todavia raros. Quando tal acontecer, basta interroper o seu uso e tudo fica normalizado. Também é usado com forte tradição como tónico e revitalizante do cabelo, quer no seu estado natural, quer pelas fórmulas industrializadas.
 O LIMÃO 
     O Limoeiro, difundido pelos árabes no Egipto e na palestina cerca do século X, é uma conquista das cruzadas. O seu fruto . o Limão, é medicinal por excelência, utilizando-se para tratar as gripes, goza de grande reputação  entre os médicos latinos, gregos e árabes, que o consideram um antídoto  contra alguns venenos de origem animal, além de um preventivo contra epidemias. O sumo contém ácido cítrico, e málico, citratos de potássio e de cálcio e cerca de 8% de glúcidos, componentes pécticos, mussilagem, sais minerais, oligoelementos e vitamina C, e ainda  heterósidos flavóicos  com acção vitamínica P
     Face às suas propriedades, o consumo regular de limão  é indicado em períodos de epidemias. Consagrado anti-séptico e um tónico geral do organismo e do aparelho digestivo, também resulta no tratamento inflamatório  da boca e da garganta
     Cosmético com tradicional reputação, amacia a pele das mãos, fortifica as unhas frágeis, tonifica as peles oleosas,  diminuindo-lhe a seborreia e disfarça as sardas.
     As principais propriedades do Limão são: antiescorbútico, ainti-hemorrágico, anti-séptico, febrifugo, refrescante e tónico. Assim, está indicado para: acne, aftas, alcoolismo, anginas, apetite, arteriosclerose, astenia, boca, cabelo, celulite, circulação, colesterol, dentes, diarreia, digestão, epidemia, escorbuto, fadiga, feridas, gretas, gripes, intoxicações, lipotemia, meteorismo, obesidade, olhos, ouvidos, parasitose, pele, picadas, reumatismo, sardas, soluços, unhas e vómitos.
     Face às propriedades terapêuticas tanto do Aloès como do Limão, é caso para perguntar  aos acérrimos interditores dos produtos com propriedades preventivas e curativas, se o Aloés e o Limão devem ser interditos no consumo corrente ou se só podem ser vendidos em farmácias. Quanto à designação de suplemeto alimentar,  eles poderão sustentar que se trata disso mesmo, mas não esqueçam  as propriedades que contêm na defesa da saúde.

Até breve,  com novos conceitos deste vosso modesto conselheiro.

 

SERÁ PELO NOME?

Meses após a fundação da APPDH e como associada, foi com tristeza que apurei que existem ainda poucos sócios e interesse em conhecer e participar neste projecto. Será pelo nome ASSOCIAÇÃO PORTUGUESA PARA A PROMOÇÃO E DIGNIFICAÇÃO DO HOMEM = APPDH e seus significados?

Com vidas atribuladas, tantas discussões parlamentares, lembrar de guardar todas as facturas de um casamento, incerteza de qual clube ganha o 2º lugar na 1ª divisão de futebol e vigilância apertada para saber que figura pública traíu, casou, mentiu ou teve gripe, talvez não parem para pensar e decifrar o real significado das palavras.

ASSOCIAÇÃO = Para quem procurou o significado da palavra e leu "Conjunto de vegetais de uma mesma espécie, a cobrir uma determinada área de terreno....", não fiquem enterrados, quietos e mudos como batatas, cenouras e alfaces que esperam pela água, luz e colheita mas procurem mais e encontram o significado " União de pessoas para um fim e interesse comum."
PORTUGUESA = Para quem leu "Forma cultivada de planta nova de porte prostrado", atenção que é um significado agrícola pois também podemos lêr "Flexão feminina de português / Natural de Portugal."
PROMOÇÃO = Não pense simplesmente em subir de escalão no emprego, em mais poder ou em mais dinheiro pois pode lêr que o significado é "Acto ou efeito de promover, dignidade."
DIGNIFICAÇÃO = "Acção ou efeito de dignificar = tornar digno, enobrecer, elevar, honrar."
                            E finalmente
HOMEM = Se lêr "O ser humano do sexo masculino que se opõe á mulher", não se enganem pois o nosso projecto não é machista. Se lêr que o significado pode ser " O marido ou o amante", não se esqueçam que é significado popular da palavra e para quem leu "homem opõe-se a Deus", descansem todos os que têm Fé, pois ambos têm lugares distintos. Nesta Associação lemos que o significado é : "Cada um dos representantes da espécie humana, animal RACIONAL, MORAL, SOCIAL, capaz de linguagem articulada, de rir emitindo som, cuja posição normal é a vertical e que ocupa o primeiro lugar na escala zoológica."

Nós, na APPDH, procuramos um mundo melhor promovendo toda a pessoa e dignificando-a de acordo com a superior espécie que somos, mesmo assim, acham que a APPDH não tem interesse?
Participem! Consultem os nossos Estatutos!
Tornem-se Sócios e como diz a canção : " Traz outro amigo também!"

       * Presidente do Conselho Fiscal da APPDH

publicado por promover e dignificar às 13:34

link do post | comentar | favorito

.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Março 2017

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
16
17
18
19
20
22
23
24
25
26
27
28
29
30

.posts recentes

. A HEPATITE “A” E OS MAUS ...

. TÓPICOS A OBSERVAR NA ORI...

. TÓPICOS A OBSERVAR NA ORI...

. TÓPICOS A OBSERVAR NA ORI...

. TÓPICOS A OBSERVAR NA ORI...

. APPDH – Para que servimos...

. TÓPICOS A OBSERVAR NA ORI...

. O DIFÍCIL E COMPLICADO PR...

. Inserção Humana – PROJECT...

. COMUNICADO AOS ASSOCIADOS

.arquivos

. Março 2017

. Fevereiro 2017

. Janeiro 2012

. Dezembro 2011

. Maio 2011

. Abril 2011

. Janeiro 2011

. Abril 2010

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Setembro 2008

. Junho 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Outubro 2007

. Setembro 2007

blogs SAPO

.subscrever feeds